Se você está lendo é porque você quer melhorar sua administração da academia ou porque você quer abrir uma academia.

Independente da sua situação, queremos te dar algumas bases para você administrar bem sua academia.

E vamos partir da frase: o que eu não posso medir, não posso administrar.

Para ser bom gestor de academia, você precisará medir a performance de:
– pessoas
– estratégias
– métodos

Vamos começar com as pessoas?

Você precisa saber quais os resultados de cada pessoa na academia.

Costumo falar que no caminho do ruim para o bom, qualquer coisa já me mostra se estamos evoluindo. Mas, no caminho do bom para o excelente, cada degrau é importante.
Ou seja, se você não mede a performance das pessoas, mas está tudo ruim na empresa, você nem precisa medir mesmo. Essa não é a prioridade.
É igual o sedentário, que está acima do peso e com dificuldades até de subir um lance de escadas. Ele não precisa fazer avaliação física para saber como está a performance dele.

E, qualquer avanço que ele tenha será perceptível para todos.
Já um atleta, mesmo que amador, precisa de indicadores para ir se aperfeiçoando.
Entendem a comparação?

Se você quer alcançar a excelência, é preciso medir a performance.

E agora, vamos falar das estratégias.

Todo mundo tem recursos limitados para investir, certo?
Se alguém aqui tiver recursos infinitos, me avisem que EU QUERO!

Se você é como eu e tem recursos limitados, você vai querer investir no que tem mais retorno. Nada mais óbvio.

Mas, nós queremos investir no que tem mais retorno sem medir o retorno!
Perguntamos de onde estão vindo os visitantes da academia e não se sabe. Perguntamos quantas visitas geraram aquele impulsionamento no Facebook e não se tem essa informação.

Uma das bases do marketing de academia é entender que marketing é resultados. Então, é importante medi-los.

Por fim, os métodos.

Se eu quero, por exemplo, fazer os professores vestirem a camisa da empresa, é importante que eu consiga medir quanto cada um já vestiu a camisa.

Faz sentido? Como é que eu dou um feedback para um professor de que ele não vestiu a camisa? Imagina eu chegar para um professor e dizer.

“Professor, eu SINTO que você não vestiu a camisa da empresa”.
Sabe o que ele vai dizer?
“Sim, eu vesti a camisa, eu me dedico ao máximo aqui, você que não reconhece”
E eu retrucaria e o professor retrucaria e isso não teria fim.

É importante você dar feedback baseado em números!

Se você quer saber mais, leia também as bases da gestão de academia.

Este artigo é em parceria com a BRANDFIT.
Artigo original aqui.

 

Tibério Lemes
Autor

Formado em Marketing pelo Instituto de Educação Superior de Brasília/DF. Certificado em Inbound Marketing pela Resultados Digitais - Florianópolis/SC. Já participou de várias certificações e imersões em Marketing Digital. Foi Diretor de Criação e Planejamento da Holus Marketing, agência de marketing especialista no mercado fitness por 4 anos, atendendo grandes redes de academia como a Alta Energia (MG) e a Corpo e Saúde(DF). Founder da Escola Marketing de Academia e sócio da Pacto Soluções, onde atua como CMO (Chief Marketing Officer - Diretor de Marketing).

Opine e enriqueça o debate

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.